Excitação
(Eduardo Baqueiro)

 

Há uma chama escondida no meu peito

que teima em não se apagar.

Esperando que você a toque para queimar meu corpo.

Desejando consumir esse fogo ao contato de seu corpo.

Esta chama danada que deseja somente você

que me faz sonhar todas as noites contigo,

Não sei se é paixão ou somente tesão.

Não importa, é  você que quero

Para consumir meu fogo e me sossegar.

Vem cá meu menino bandido

Saciar sua menina safada,

 fogosa, dengosa...

Vou sussurrar bobagens no seu ouvido

e gemer baixinho para te excitar.

Apague este meu fogo, com vigor.

Vem saciar minha fome de você 

quero renascer mais forte depois desse encontro

Então mais uma vez vou te procurar

Mais um convite, mais uma noite

para me perder em seus braços...